Escola de Samba de Natal tem reconhecimento de utilidade pública

(Foto Canindé Soares)

A pedido do carnavalesco Lailson de Paula, Kelps criou uma agenda de ajuda às Escolas de Samba de Natal que vai beneficiar os moradores do bairro das Rocas e comunidades adjacentes.

São ações coordenadas para dar instrumentos com os quais as escolas de samba possam ter um relacionamento mais qualificado com a máquina pública e conseguir levantar infraestrutura para facilitar não só a manutenção de suas existências, mas também a utilização de suas atividades como ativo de desenvolvimento econômico e turístico para as regiões onde elas estão inseridas.

“Muitas pessoas pensam que a atividade econômica do carnaval se resume aos dias de desfile, mas, bem incrementada, a cadeia produtiva do carnaval pode gerar empregos no ano inteiro”, explica Lailson de Paula.

Uma das primeiras medidas de Kelps foi auxiliar as escolas de forma jurídica.

Nesta semana, uma das escolas de samba de Natal conseguiu o reconhecimento oficial da Assembleia Legislativa para funcionar como Entidade de Interesse Público, conseguindo, assim, amparo legal para receber financiamento de instituições públicas.

Outras medidas estão sendo pensadas. Uma delas é a luta para a sessão dos galpões do Governo Federal das Rocas/Ribeira para que ali seja implantada a Cidade do Samba, um sonho dos moradores das Rocas para desenvolver o carnaval de Natal.

Leave a Reply